Tríada - Evolua em todos os sentidos | Corpo - Mente - Alma

Página Inicial » Dinheiro e Carreira » Performance 15 maneiras de se pr...

15 maneiras de se proteger da crise

Publicado por Redação em 23/07/2010 às 12h30

Muitas empresas ainda estão sofrendo com os fantasmas da crise. Enquanto a situação não se normaliza de vez, vale a pena começar a adotar alguns costumes que podem minimizar os efeitos do caos econômico e salvar seu emprego. Blinde-se já!

Texto • Thiago Perin

1. Esteja sempre informado

Procure entender exatamente o que está acontecendo por aí e saiba qual o efeito direto que a situação da economia tem sobre você e seu cargo. Veja TV, leia sobre, ouça opiniões: vá atrás de informações e discuta o cenário com quem faz parte dele. Além disso, considere as dicas de grandes executivos sobre o assunto.
 

2. Invista na boa comunicação

Transmita suas ideais com clareza, explique seus pontos de vista e exercite a retórica. Com a crise, as pessoas tendem a se tornar menos receptivas, o que vai exigir muito de seu poder de negociação.
 

3. Seja organizado

Saiba o que, quando e em que ordem fazer. Em tempos conturbados é normal que o fluxo de trabalho aumente e que suas responsabilidades cresçam. Por isso, crie um cronograma e siga-o à risca.
 

4. Vá além do "de sempre"

Não fique preso a conceitos e rotinas antigos, só porque “sempre foi assim”. Esse é o momento de ser criativo, de inovar, de pensar fora da caixa. A concorrência é grande e as empresas não estão para brincadeira. Quem fica parado corre um grande risco de ser substituído.
 

5. Questione-se constantemente

Estou satisfeito com o trabalho que tenho realizado?
Quais são meus pontos fracos e fortes?
A empresa em que trabalho tem sido afetada pela crise? Como?
Como ela está reagindo?
Estou agindo da melhor maneira? Como poderia melhorar meu desempenho?
 

6. Abrace a lei da economia

É natural que as empresas comecem a adotar medidas de contenção de gastos. Nesse plano você pode ter de cortar o cafezinho, vigiar o consumo de energia e até mesmo racionar o papel higiênico. Adote uma atitude positiva e tente cooperar com as novas políticas.
 

7. Faça seu trabalho aparecer

É hora de mostrar serviço. As empresas buscam eficiência e estarão atentas aos profissionais que realmente fazem diferença. Portanto, assuma responsabilidades e coloque-se à disposição para levar à frente projetos mais complicados. Só tome cuidado para não exagerar e parecer exibicionista.
 

8. Aguente o tranco

A sobrecarga de trabalho tende a ser grande. Com a iminência das demissões, as equipes se tornam mais enxutas e a cobrança por resultados aumenta. Como entrar nesse novo ritmo?

Faça listas de tarefas
Separe o que é urgente do que pode esperar
Estabeleça prazos para você mesmo
Se possível, delegue
 

9. Mantenha um relacionamento aberto com o chefe

Seja ele chato ou boa gente, o chefe deve estar sempre próximo de seu trabalho e ciente de qualquer dificuldade que surgir pelo caminho. Em períodos difíceis os laços tendem a se estreitar. Seja sincero, companheiro e mostre comprometimento.
 

Concentre-se no que realmente importa

10 Identifique os processos que mais consomem tempo. Reserve um momento para cada coisa. Coloque seu dia em uma agenda e procure segui-la à risca.

11 Evite desperdiçar energia com atividades desnecessárias

12 Busque meios de otimizar sua rotina. Teste novas dinâmicas de trabalho e deixe para trás hábitos que não acrescentam nada.
 

13. Trace um plano financeiro para se equilibrar

Sim, a crise pode roubar seu emprego. Por isso, você precisa se precaver contra possíveis surpresas financeiras. Garanta seu pé de meia. Faça uma poupança e adie um pouco aquele grande investimento. Não é recomendável se arriscar demais.
 

14. Pense bem antes de mudar de emprego

Se surgir uma nova oportunidade, faça uma análise cuidadosa dos reais benefícios e também dos riscos que envolvem essa recolocação. O cenário está instável e trocar de empresa pode não estar entre as melhores ideias.
 

15. Fortaleça sua autoestima

Se você quer ser valorizado no trabalho, o primeiro passo é estar bem consigo mesmo. Não se cobre demais nem se culpe caso algo dê errado. Tenha certeza de que está fazendo o melhor que pode e mantenha o bem-estar.
 

 
Recomendar Comentar Enviar por email Compartilhar Imprimir
COMPARTILHE NA REDE
ENVIAR POR EMAIL
Matérias relacionadas
Deixe seu comentário




  • + Da Semana
  • + Do Mês
  • + Comentadas
Inscreva-se em nossa Newsletter e receba em seu email nossas atualizações.

Twitter

Acompanhe-nos no twitter e fique por dentro das notícias em tempo real!
Siga-nos »
ACOMPANHE-NOS TWITTER ORKUT RSS NEWSLETTER