Tríada - Evolua em todos os sentidos | Corpo - Mente - Alma

Página Inicial » Dinheiro e Carreira » Provas e concursos Ginástica para o cér...

Ginástica para o cérebro

Publicado por Redação em 03/08/2010 às 17h20

Exercitar o cérebro é essencial para aumentar nossa capacidade de raciocínio e melhorar nossa qualidade de vida, além de cooperar para um envelhecimento mais saudável. Descubra agora como se matricular nessa verdadeira academia mental

Texto • Renata Guerra
 

É natural que, com o avançar da idade, a memória, o raciocínio e a percepção de uma pessoa fiquem mais lentos e comecem a falhar. Esses processos da mente fazem parte da chamada capacidade cognitiva, que pode e deve ser treinada, como um músculo de qualquer parte do corpo. Existem atividades intelectuais que funcionam como uma academia de ginástica para a mente, mantendo-a mais viva, ágil e funcional, mesmo quando a idade já está avançada. Vale lembrar que nunca é cedo demais para começar a pôr o cérebro à prova.

Para a neurociência, a capacidade cognitiva é formada por várias funções que atuam, invariavelmente, em conjunto. As principais são a percepção, a atenção, a memória, a linguagem e as funções executivas. “Ao detectar cheiro de fumaça (atenção), uma pessoa vai reconhecer (percepção), de acordo com o que já foi aprendido (memória), que esse pode ser um sinal de incêndio. A partir disso, ela busca estratégias para solucioná-lo, como manter a calma, retirar as pessoas do local e chamar por socorro (funções executivas)”, afirma a neuropsicóloga Maria Alice Novaes.

A especialista explica que dois dos fatores mais importantes para o aprimoramento da capacidade cognitiva são os hábitos de uma alimentação saudável e um período adequado de sono durante a noite. “Não dá para fazer milagre se a pessoa estiver com deficiência em pelo menos uma dessas duas funções, que são essenciais à manutenção da vida”, diz Maria Alice.

Além de melhorar a capacidade de raciocínio e a qualidade de vida, a pessoa que desenvolve sua capacidade intelectual está também se defendendo de possíveis perdas de memória, fenômeno comum na velhice ou em casos de doenças degenerativas, como o mal de Alzheimer.

Segundo pesquisadores do Instituto de Psiquiatria de Londres, portadores de Alzheimer que possuem maior nível de educação não sofrem rápida deterioração de partes do cérebro e são capazes de combater os sintomas da doença de forma mais efetiva. Essa pessoa adquiriu, ao longo da vida, o que a comunidade científica chama de “reserva cognitiva”, por meio do treinamento da mente. 



Página 1 de 2
 
Recomendar Comentar Enviar por email Compartilhar Imprimir
COMPARTILHE NA REDE
ENVIAR POR EMAIL
Matérias relacionadas
Deixe seu comentário
mbt shoes outlet espa a comentou às 18h55 em 17/01/2014 responder denunciar

mbt m walk Ginástica para o cérebro Capacidade cognitiva Dinheiro e Carreira Provas e concursos mbt shoes outlet espa a http://www.saxbaad.dk/mbt-shoes.asp

Denunciar abuso no Site

Você está ajudando o Triada a controlar o conteúdo que está violando as políticas de privacidade do site.
Onde está o abuso que você está denunciando?


Adicione um comentário sobre essa denúncia:



Enviar

Obrigado!




  • + Da Semana
  • + Do Mês
  • + Comentadas
Inscreva-se em nossa Newsletter e receba em seu email nossas atualizações.

Twitter

Acompanhe-nos no twitter e fique por dentro das notícias em tempo real!
Siga-nos »
ACOMPANHE-NOS TWITTER ORKUT RSS NEWSLETTER